21 97676-0264        WhatsApp

Audiometria

showcase image

 

O objetivo principal da avaliação audiológica é determinar a integridade do sistema auditivo, além de identificar tipo, grau e configuração da perda auditiva em cada orelha.

Audiometria é um exame de triagem que avalia a acuidade auditiva do trabalhador, isto é, detecta possíveis perdas auditivas de um funcionário. Ela deve ser realizada por profissional habilitado (médico ou fonoaudiólogo) conforme determinado pelos respectivos Conselhos Federais profissionais.

 

O que é o exame de audiometria?

É o exame realizado pelo médico otorrinolaringologista ou fonoaudiólogo que tem o objetivo de avaliar a capacidade do paciente em ouvir e interpretar sons. Por meio dele, detectam-se possíveis alterações auditivas, e a partir daí o profissional responsável pode prescrever medidas preventivas e/ou tratamentos adequados, como o uso de aparelhos auditivos.

Existem dois tipos de audiometria: tonal e vocal. Enquanto o primeiro avalia as respostas do paciente a sons emitidos em diversas frequências, o segundo mede a capacidade em reconhecer a fala humana.

 

Como é feita a audiometria?

Ambos os tipos de audiometrias são indolores e relativamente rápidos, cerca de 40 minutos em adultos. Embora seja muito eficaz, depende diretamente da colaboração do paciente.

Numa cabine acústica com janela de vidro, o paciente coloca um fone de ouvido com microfone acoplado — este é o meio de comunicação entre ele e o examinador. Ao ouvir os sons emitidos, o paciente responde com gestos previamente combinados com o profissional.

Em dado momento, ele deve repetir as palavras ditas pelo examinador. Já em outro é colocado um aparelho vibratório sobre o seu osso mastoide, que deverá acusar suas percepções de vibração.

Não é necessário nenhum tipo de preparação do examinado, como medicação ou dieta específica. Porém, é preciso que ele se resguarde de ruídos fortes por, pelo menos, 14 horas anteriores ao procedimento.

 

Para quem é recomendado?

É comum a pessoas acharem que esse tipo de exame é somente para idosos. Porém, isso não é verdade. Crianças em idade escolar que tenham dificuldade em concentração e aprendizado podem ter a perda auditiva detectada pela audiometria, por exemplo.
Além disso, pacientes que se queixam de ouvido tampado, com tontura e zumbido, também devem se submeter ao procedimento para averiguar os sintomas. Outra indicação é na bateria de exames admissionais em funções capazes de prejudicar a audição, como telefonista ou encarregado de maquinários que tenham ruídos altos.
Como vimos, a audiometria é um exame importante não só para diagnosticar a falha de audição, como também para prescrição de medidas preventivas e tratamento. Sendo assim, ele é essencial para quem quer preservar esse sentido e garantir mais qualidade de vida e bem-estar.

 

Voltar